Por que é importante estar atento à formação de preço de venda? Bem, basicamente, porque caso contrário, você pode estar perdendo excelentes oportunidades de expandir seu negócio. Ou, ainda, na pior das hipóteses, gerando prejuízos para sua empresa.

Realizar uma excelente gestão de custos e observar o comportamento do mercado em relação à sua oferta são dados essenciais para que seus resultados aumentem. Veja em nosso artigo o que você precisa considerar.

Principais elementos na formação de preço de venda

Para o SEBRAE, o preço de venda é aquele valor que cobre o custo direto do produto ou serviço que você oferece, suas despesas variáveis, que podem ser impostos e comissões, por exemplo, as despesas fixas (água, luz, telefone, pró-labore e salários) e, ainda, permita a obtenção de lucro líquido.

Se lembra da fórmula?

Custo + Lucro + Despesas Variáveis = Preço de Venda.

Para que essa fórmula funcione corretamente, controle de perto os seguintes itens:

1. Cálculo do custo unitário

Para chegar à esse valor, primeiro encontre o valor total de custos da sua empresa. O próximo passo é dividi-lo pela quantidade de itens produzidos ou de serviços prestados, assim você saberá quanto cada uma de suas ofertas custa.

Inclusive, ao fazer esse mapeamento e acompanhá-lo, será muito mais fácil implementar políticas de redução de custos, pois saberá exatamente os pontos mais críticos!

2. Tributos

Conheça a legislação que envolve seu produto ou serviço! A lei fiscal brasileira é bastante complexa, por isso, conte com a ajude de terceiros ou considere especializar seus colaboradores em características mais específicas. Lembre-se que os impostos como a Contribuição Social e o Imposto de Renda devem ser somados no cálculo de formação de preço de venda, pois fazem parte do custo da empresa.

3. Atenção aos custos variáveis

Como o próprio nome já fiz, esse é um dado flutuante. Porém, considere avaliar o histórico do seu negócio e estabeleça tendências para datas futuras, considerando períodos sazonais ou de baixa na procura. Dessa forma você conseguirá projetar um custo médio, sendo possível avaliar estratégias de oferta e de formação de preço de venda com mais antecipação.

Observe o desempenho dos seus produtos

Após esse controle minuciosos dos custos, observar como andam as vendas e aceitação de suas ofertas também pode te ajudar. Por exemplo, é comum encontrarmos locais em que há um preço médio para os produtos, porém, será que deveriam mesmo ter preços iguais? E se o produto mais vendido for justamente o que tem o maior custo?

Então a dica é: relacione todos os produtos e serviços com os quais trabalha, calcule seus custos e indique seu preço de venda. Essa lista servirá como um guia para identificar os produtos com melhores e piores resultados, auxiliando na decisão da alteração de estratégia comercial ou talvez na descontinuação da oferta.

Mas, essa é mais uma informação: observar o mercado e o comportamento dos consumidores são outros inputs importantes antes de decidir alterar sua oferta!

Gestão integrada com o ERP

Agora, para responder à pergunta inicial: como um ERP pode ajudar? É importante observar que tudo que tratamos nesse artigo são atividades de alta complexidade, são muitos dados, planilhas e relatórios. É possível realizar esse controle manualmente, porém, o maior benefício de um sistema ERP na formação de preço de venda é justamente sua capacidade de processar dados de diferentes áreas. A automatização das informações agiliza não só o processo de formação de preço de venda, mas sim todo o fluxo de atividades de sua empresa.

A cada venda realizada, o controle de estoque é feito automaticamente e, assim que a nota fiscal é emitida, todos os custos relacionados àquele produto ou serviço já vão para um banco de dados, não sendo necessário transitar pelo mesmo documento diversas para obter as informações necessárias. Usar a tecnologia em favor de sua empresa pode ser o elemento que falta para impulsionar o seu negócio.

Você já usou o seu software de gestão para formação de preço de venda? Conte sua experiência, deixe o seu comentário!

Referência: Administradores